As crianças vão aprender diversas coisas ao longo da vida, como ouvir, falar, ler, escrever e matemática. Algumas habilidades podem ser mais difíceis de aprender do que outras. Se um dos seus filhos está se esforçando ao máximo para aprender certa habilidade, mas não consegue acompanhar os colegas, é muito importante entender o motivo. A criança pode ter Dificuldade de Aprendizagem e quanto mais cedo se descobre isso, mais cedo ela poderá obter ajuda.

Reunimos algumas informações da Academia Americana de Pediatria sobre o assunto para ajudar você a entender melhor sobre a Dificuldade de Aprendizagem.

 

O que é Dificuldade  de Aprendizagem?

Dificuldade de Aprendizagem é um termo utilizado para descrever uma série de problemas de aprendizado relacionados à maneira que o cérebro absorve, usa, armazena e envia informações. Cerca de 15% das crianças possuem essa condição e elas podem ter dificuldade com uma ou mais das seguintes habilidades: leitura, escrita, audição, fala, raciocínio e matemática. O tipo mais comum, é a dificuldade para ler.

Considera-se que uma criança não tem Dificuldade de Aprendizagem se as complicações se devem à outras causas, como TDAH, deficiência intelectual ou um problema de visão, audição ou motor. É importante entender que algumas crianças podem ter a Dificuldade de Aprendizagem e outras condições que podem afetar a assimilação das habilidades ou até mesmo mais de um tipo de Dificuldade de Aprendizagem.

__________________________________________________________________________________

Conteúdo Relacionado

__________________________________________________________________________________

O que causa a Dificuldade de Aprendizagem?

Há diversas causas possíveis e muitas vezes elas não são conhecidas. A grande maioria dos casos, são de crianças que tem pais ou parentes que apresentam as mesmas dificuldades.

Outros fatores de risco incluem peso baixo e prematuridade no nascimento ou algum tipo de lesão ou doença durante a infância, como bater a cabeça muito forte, envenenamento por chumbo, meningite, etc.

 

Como saber se a criança tem Dificuldade de Aprendizagem?

Notar essas dificuldades nem sempre é tão fácil. Entretanto, há diversos sinais que podem indicar que a criança precisa de ajuda, mas lembre-se que cada criança se desenvolve e aprende no seu tempo.

Informe seu pediatra se notar alguns dos sinais abaixo, de acordo com a faixa etária:

Crianças em idade pré-escolar podem ter:

  • Demora para desenvolver a linguagem. Por volta dos 2 anos e meio, a criança deve conseguir falar frases ou sentenças curtas;
  • Problemas com fala. Aos 3 anos, a criança deve conseguir falar bem o suficiente para que os adultos consigam entender a maior parte com facilidade;
  • Dificuldade para aprender cores, formas, letras e números;
  • Dificuldade para rimar palavras;
  • Problemas com coordenação motora. Por volta dos 5, a criança deve conseguir abotoar as roupas, usar uma tesoura para recortar formas de papel e pular, além de conseguir copiar o desenho de um círculo, quadrado e triangulo.
  • Não consegue manter atenção. Entre os 3 e 5 anos, a criança deve conseguir ficar sentada e ouvir uma história curta. Conforme ela for ficando mais velha, ela deve aumentar proporcionalmente o tempo de atenção dela.

Crianças em idade escolar podem apresentar dificuldades em:

  • Seguir instruções;
  • Manter organização em casa;
  • Entender orientações verbais;
  • Aprender fatos e lembrar de informações;
  • Ler, soletrar e falar palavras;
  • Escrever claramente (talvez com uma letra não tão bonita);
  • Fazer cálculos matemáticos;
  • Focar e terminar as lições de casa;
  • Explicar informações claramente, seja verbal ou por escrito.

 

Quais são os tipos comuns de Dificuldade de Aprendizagem?

Separamos abaixo os tipos mais comuns que atingem as crianças para você poder identificar com mais facilidade. Lembre-se que nem toda criança com Dificuldade de Aprendizagem se encaixam exatamente em um dos tipos.

Em todos os casos, observe cuidadosamente e converse com o pediatra antes de tomas alguma atitude.

Transtorno de Leitura

Também conhecido como dislexia, as crianças com transtorno de leitura podem apresentar dificuldades com:

  • Lembrar dos nomes das letras e dos fonemas delas;
  • Entender que as palavras são compostas por sons e que as letras representam esses sons;
  • Falar as palavras corretamente e na velocidade certa;
  • Soletrar palavras corretamente;
  • Compreender o que leram.

Transtorno de Escrita

As crianças com transtorno de escrita podem apresentar dificuldades com:

  • Usar uma caneta ou lápis;
  • Lembrar como as letras são formadas;
  • Desenhar formas e linhas ou espaçamento entre desenhos;
  • Organizar e escrever seus pensamentos, sentimentos e ideias no papel;
  • Soletrar e pontuar corretamente.

Dificuldade Matemática

As crianças com dificuldade matemática podem apresentar problemas com:

  • Reconhecer e desenhar formas;
  • Conceitos matemáticos, como valor dos números, quantidades e ordenação;
  • Entender o tempo, dinheiro e medidas;
  • Frações, porcentagem, geometria e álgebra.

Dificuldades com linguagem não verbal

As crianças com dificuldade para a linguagem não verbal podem apresentar problemas com:

  • Copiar desenhos e entender formar tridimensionais;
  • Entender conceitos abstratos;
  • Habilidades sociais e linguagem corporal;
  • Coordenação motora;

Atraso na fala e linguagem

As crianças com atraso na fala e linguagem podem apresentar dificuldades com:

  • Ler e escrever;
  • Problemas matemáticos;
  • Seguir instruções;
  • Responder questões;

TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade)

As crianças com TDAH podem apresentar dificuldades com:

  • Focar e prestar atenção;
  • Lembrar de informações;
  • Realizar atividades escolares.

 

Existe uma cura?

Não existe uma cura propriamente dita para a Dificuldade de Aprendizagem, mas há diversas maneiras de contornar a situação e fazer com que a criança tenha uma vida normal.

Seja cuidadoso com as pessoas ou grupos que alegam ter uma solução rápida para isso. Eles podem oferecer exercícios para os olhos, dietas especiais, vitaminas ou suplementos, porém não há nenhuma evidencia científica de que esses tratamentos funcionam. Na dúvida, procure o pediatra ou profissional infantil e órgãos de confiança.

 

Quem pode ajudar?

Se você está preocupado com problemas da criança em aprender, converse com o pediatra ou professor dela. Esses profissionais podem realizar testes para descobrir se realmente há alguma condição. É possível também procurar um pediatra especialista em algumas áreas, como deficiências no neurodesenvolvimento, desenvolvimento e comportamento ou neurologia infantil.

A maioria das crianças com problemas para aprendizado conseguem alcançar seus objetivos desenvolvendo maneiras diferentes de aprender. Existem algumas escolas especializadas nessa educação especial que geralmente possuem professores especializados, testes sem limite de tempo ou algumas mudanças na classe para maximizar o aprendizado da criança.

Uma forma de garantir que seu filho está sendo ajudada, é criar um plano em conjunto com os professores e pediatra, que descreva claramente tudo que ela precisa. Esse plano é chamado de Programa de Educação Individualizada e depois que ele estiver em vigor, deverá ser revisado regularmente para garantir que as necessidades da criança sejam atendidas.

 

Maneiras de você ajudar a criança

  • Foque nas forças. Todas as crianças possuem talentos especiais assim como dificuldades. Encontre as forças da criança e ajude elas a aprender utilizando-as. Seu filho pode ser bom em matemática, música, esportes, artes ou até mesmo cuidados com animais, então aproveite isso e se certifique de motivar e elogiar sempre que acertar ou concluir uma tarefa.
  • Desenvolva habilidades sociais e emocionais. As Dificuldades de Aprendizagem combinadas com os desafios do crescimento podem fazer com que a criança se sinta triste, irritada ou reclusa. Ajude ela dando amor e apoio, reconhecendo que o aprendizado é difícil pois cada um aprende de uma maneira diferente. Procure atividades que foquem no trabalho em equipe e diversão, elas devem ajudar a construir a autoconfiança.
  • Planeje o futuro. Muitos pais de crianças com Dificuldade de Aprendizagem se preocupam com o futuro dos seus filhos. Lembre a criança de que essa dificuldade não está relacionada ao quão inteligente ela é, na realidade, muitas crianças com essa condição são brilhantes e se tornam adultos de sucesso. Você pode ajuda-la a planejar esse futuro encorajando ela a considerar suas forças e interesses quando forem escolher a carreira.

 

Lembre-se

As crianças com Dificuldade de Aprendizagem podem sim aprender e se tornarem pessoas de sucesso desde que elas recebam ajuda e suporte corretamente. Quanto mais cedo você souber da dificuldade, mais cedo você pode procurar por ajuda. Caso tenha qualquer dúvida, converse com o pediatra.

 

 

 

Fonte

<a href=”https://www.freepik.com/free-photos-vectors/school”>School photo created by jcomp – www.freepik.com</a>Créditos de imagem