Apesar de ser uma profissão ainda pouco divulgada, a fonoaudiologia já é uma solução indicada por muitas escolas e médicos pediatras, para auxiliar no desenvolvimento da criança. E sua atuação vai muito além de “ensinar crianças a falar certo”.

Quem tem filho sabe o quão desafiadora esta tarefa pode ser. A rotina da vida diária volta-se totalmente às necessidades da criança. Tarefas como alimentar, vestir, escovar os dentinhos, brincar, levar a escola e ao médico tomam todo o tempo disponível. E de repente, no meio desse turbilhão de emoções, é solicitada uma avaliação fonoaudiológica. Tudo parece ainda mais desafiador e muitas preocupações surgem.

Neste momento, o importante é manter a calma e principalmente buscar informação.

Para ajudar e guiar os papais e mamães nessa jornada, a Fonoaudiologia estuda há anos o desenvolvimento dos bebês e poder orientar as famílias e profissionais sobre os sinais de alerta quando algo está fora do tempo de desenvolvimento esperado, e indicar quando a criança precisa de tratamento fonoaudiológico.

Mas afinal, o que é Fonoaudiologia e por que meu filho pode precisar de uma fonoaudióloga?

A Fonoaudiologia é a Ciência que atua na reabilitação da comunicação de crianças e adultos, que pode estar alterada por diferentes motivos como autismo, síndromes, alterações neurológicas, deficiência auditiva, ou mesmo um atraso de linguagem sem nenhum outro fator associado. A terapia fonoaudiológica visa principalmente facilitar ou aprimorar a comunicação dos pequenos.

__________________________________________________________________________________

Conteúdos Relevantes

__________________________________________________________________________________

Muita gente acredita que os fonoaudiólogos trabalham apenas com crianças que “falam errado“. Embora isso seja comum na prática clínica, o profissional pode fazer a diferença em muitas situações que vão desde um atraso de fala e linguagem, passando por dificuldades de leitura e escrita, gagueira, autismo, síndromes, malformações craniofaciais, paralisia cerebral, dentre outros.

Quando a terapia fonoaudiológica é realizada com crianças, é muito comum envolver o uso de atividades lúdicas, uma vez que a criança aprende brincando e retém mais informações quando estas são apresentadas de forma que elas possam experimentá-las, descobri-las e não apenas conhece-las e aceita-las.

Além das melhorias que refletem diretamente na fala das crianças, o tratamento fonoaudiológico conta com uma série de efeitos que facilitam o dia a dia dos pequenos, e continuarão ajudando com o passar dos anos, refletindo até mesmo na vida adulta. A Fonoaudiologia pode proporcionar à criança uma maneira de se comunicar, e isso vem atrelado a inúmeros benefícios ao longo da vida.

1 РA Fonoaudiologia ṇo ̩ apenas sobre fala

Muitas pessoas têm a percepção que um fonoaudiólogo deve ser procurado apenas quando há um problema de fala, mas o tratamento fonoaudiológico é muito mais do que isso. Além da linguagem oral, o fonoaudiólogo atua nas dificuldades da linguagem escrita, como nos casos de dislexia, além de auxiliar as crianças com problemas na voz, na respiração e dificuldades para engolir, mastigar ou sugar.

 

2 – O tratamento fonoaudiológico ajuda com habilidades sociais

Quando uma criança cresce com habilidades de comunicação limitada, ou não tem fala funcional, a fonoaudióloga trabalhará as habilidades sociais, através do uso de estratégias diversas como modelagem de vídeo, representação de papéis, aplicativos de terapia específicos, histórias sociais e outras várias estratégias e ferramentas. Neste caso, é importante o uso de comunicação auxiliada.

 

3 – O desenvolvimento correto da fala e linguagem, auxiliam na leitura

O desenvolvimento da linguagem escrita é dependente da linguagem oral adquirida previamente. Aprender a falar os sons corretamente garantirá que as trocas de sons na fala não sejam transportadas também para a escrita.

A comunicação é uma habilidade essencial, e está intrínseca ao ser humano. Nós nos comunicamos através da fala, expressões faciais, gestos, contato visual, escrita, digitação e muitas outras formas. Cabe ao fonoaudiólogo então, auxiliar os pequenos nessa trilha até a comunicação eficiente. O desenvolvimento correto da linguagem, fala e audição, ajudam os pequenos a estabelecerem uma comunicação com o mundo e proporciona para eles a confiança necessária para buscar novos desafios, aprender, estabelecer conexões.

Cada criança carrega consigo um universo inteiro de possibilidades. Cada uma com suas particularidades e limitações, elas vão crescendo e aprendendo no seu próprio ritmo a explorar o mundo. Cabe aos fonoaudiólogos possibilitar que cada uma delas tenha o poder de estabelecer essa conexões, se comunicar, e compreender o mundo que a rodeia.

 

Tem alguma dúvida sobre a Fonoaudiologia? Conte para a gente nos comentários.

24 Replies to “Fonoaudiologia: o que é e como ela pode ajudar o meu filho?”

    1. Oi Doutora Boa noite meu filho tem 10 anos e fala muitas palavras errada e escreve muito errado recebo muita reclamação da escola não sei mais o que fazer !

    2. Olá meu marido há uns 4 anos vem afogando com líquidos, e sólidos, ele tem refluxo, e perda de audição, alguém pode me informar um especialista em adulto.

    1. Olá Cleide, tudo bem?

      Poderia nos enviar mais informações. Não ficou muito claro quais dificuldades seu sobrinho tem.

      Aguardo mais detalhes.
      Um abraço,
      Equipe Fofuuu

  1. Olá, meu filho está com 2 anos e 2 meses e fala algumas palavras corretamente, mas a maioria do seu vocabulário é aquela linguagem que não entendemos, parece que está falando árabe. Nesta idade ainda é esperado que ele se comunique desta forma ou me indicam levar na fono? Acontecia muito dele apontar os objetos e acabavamos entregando sem insistir que falesse o nome, isso já estamos corrigindo por aqui.
    Obrigada!

    1. Oi Fernanda,
      Na idade de seu filho é comum ainda muitas trocas de sons e simplificações, porém não é para ser totalmente ininteligível. Minha sugestão é passar por uma avaliação detalhada e individualizada, e orientações sobre como estimular a fala dele!
      Espero tê-los ajudado!

      Um abraço,
      Daniela Barbosa
      Fonoaudióloga
      contato@danielabarbosa.com.br

  2. Bom dia..

    Meu filho está com 7 anos e tem coisas que ele não está falando corretamente.. ( controle = tocole ), ele está no segundo ano da escola.. e a professora já sugeriu que procurasse uma fonoaudióloga.

    Tânia

  3. Oi minha filha tem 2 anos e 5 meses e ela so fala alguma coisa quando ela querer… se ele quer alguma cousa que não esta no alcance dela ela as vezes aponta e as vezes fica chorando e eu pergunto o que ela quer maus ela não fala começa a chorar eu ensisto mais eu acabo cedendo e seu o que e e dou pra ela…. e também quando ela assisti os desenhos que ela gosta ela grava na mente e quando passa o episódio maus de uma vez que ela assistiu ela acaba fazendo antes de acontecer…. se o personagem vai gritar ela faz antes e depois acontece se vai espirrar a mesma coisas e demaus coisas…. eu estimulo ela falo pra ela os animais e ela acaba imitando eles se eu falo gato ela mia se eu fali cachorro ela lata e assim demais bichos… maus o problema e que ela não fala quase nada ou so quando ela quer …. poderia me orientar muito obrigada…

    1. Olá Serli,
      Inicialmente sugiro que converse com o pediatra de seu neto para que ele possa encaminhar para avaliações específicas de audição (com médico otorrinolaringologista e fonoaudiólogo) e também fonoaudiológica.
      É preciso primeiro compreender o possível motivo desta dificuldade para então dar as orientações de forma mais direcionada.
      Um abraço,

  4. Olá Dr. Daniela, a minha filha esta com dois anos e 10 meses e falava muitas coisas correctamente, mas as 2 meses ela esta a gaguejar quando começa a falar e tenho notado que cada vez mais tem vindo a piorar.

  5. Boa tarde!

    Meu filho acaba de completar 3 anos, quase não fala.
    Pronuncia corretamente pouquíssimas palavras.

    Tento fazer exercícios de repetição, poucas são as vezes que ele consegue repetir ao menos de forma parecida, até mesmo o a,e,i,o,u!

    Não tem nenhum problema de audição, mastigação ou sucção. A avaliação do pediatra é “preguiça”.
    Mas me preocupa, acho que está muito atrasado

  6. Meu filho tem 2 anos e 8 meses e não fala nada, de vez em quando, muito raro ele fala a palavra Tchau, bombom, banana.. só… E do jeito dele rs… Tudo que lê quer, ele aponta e Lara “um,um”… Até se fazer entendido… O que posso fazer para estimular? Ele não está indo para escolinha devido a pandemia…e fica em casa com a.minha mãe, só os dois não tem muito contato com outras crianças e assiste bastante desenhos e os imita, porém nada de falar só gestual,mas entende o que falamos, tipo quando chamamos pra colocar o chinelo, escovar o dente ou pegar alguma coisa… Como posso ajudar a estimular mais a Fala?

  7. Então, a Fonoaudiologia é uma profissão super mega crescente. É cada vez mais divulgada e conhecida por todo o mundo. É uma profissão que atua em todos e quaisquer distúrbio de comunicação, desde a infância até a velhice.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *