Como a otite pode prejudicar o aprendizado de seu filho?

2018-10-01T14:11:29+00:001 de dezembro - 2017|Desenvolvimento Infantil|

O ouvido é a estrutura responsável por captar os sinais sonoros (inclusive a fala), amplifica-lo e encaminha-lo ao cérebro que interpretará o significado dos sons. Quando algo impede ou atrapalha este processo, a interpretação do som estará diretamente prejudicada, interferindo no desenvolvimento da fala e aprendizagem da criança.

Para que possamos conhecer melhor como ocorre a audição, dividiremos o ouvido em três partes: externa, média e interna:

Ouvido externo: capta o som, conduzindo-o à membrana timpânica.

Ouvido médio: amplifica o som a partir da vibração da membrana timpânica e movimentação dos ossículos (bigorna, martelo e estribo) e o conduz ao ouvido interno. Mantém uma comunicação com mariz e garganta a partir da tuba auditiva (canal que equilibra a pressão do ouvido médio).

Ouvido interno: formada pela cóclea e o labirinto, responsável pela tradução da onda sonora em impulso nervoso a ser transmitido ao cérebro.

 

O OUVIDO DA CRIANÇA

Devido ao tamanho cabeça da criança, a tuba auditiva é mais curta e horizontalizada em relação à porção nasal da garganta e à orelha media, facilitando o acúmulo de secreção na orelha média e tornando-a um ambiente propício para infecções. Com o crescimento da criança, a tuba auditiva torna-se mais longa e vertical, protegendo melhor a orelha média e, aos 7 anos de idade, a posição da tuba auditiva já é semelhante à do adulto.

 

Por que as crianças podem ter otites frequentes?

Otite é sinônimo de inflamação do ouvido. A otite externa acomete o canal auditivo (comum quando molhamos frequentemente esta região). Otite média é a inflamação da mucosa que reveste o ouvido médio. Pode causar dor porém não é regra. As vezes a criança está com os ouvidos inflamados (e consequente perda auditiva) e sensação de ouvido tampado, mas sem dor, sendo mais difícil para a mãe constatar. Entretanto, alguns sinais são bastante sugestivos de possível alteração da saúde auditiva, como:

  • hábito de colocar o volume da televisão e tablete mais alto que a família;
  • a criança passa a falar mais alto e a gritar com maior frequência;
  • desatenção nas conversas;
  • coceira no ouvido ou levar a mão aos ouvidos frequentemente;
  • crianças maiores podem referir sensação de ouvido tampado;
  • agitação;
  • queixas escolares.

 

Qual a relação entre otite e problemas de aprendizagem?

Qualquer barreira do caminho do som ao cérebro vai causar uma perda auditiva que impedirá a total compreensão dos sons da fala ou de partes da conversa, se esta for em um ambiente mais ruídos ou com a pessoa falando sem olhar para a criança (uma sala de aula, por exemplo).

É como se você tivesse que compreender um texto que foi escrito sem algumas letras: “Ou_i_ pe_a metade não é _á_il, não é!?” (Ouvir pela metade não é fácil, não é!?).

 

Tratamento

Caso observe sinais de dificuldade auditiva ou dores de ouvido constante, a criança deve ser avaliada pelo médico otorrinolaringologista (especialista em ouvido, nariz e garganta) que indicará o melhor tratamento, podendo ser medicamentoso, cirúrgico ou pequenas mudanças de hábitos em casa.

Com o tratamento a audição volta aos níveis normais e a criança retoma seu melhor desempenho escolar. Quanto mais demoramos para retomar a audição, mais lento é o processo de recuperação do desempenho escolar da criança.

 

Por isso, estejamos atentos às nossas crianças e aos pequenos sinais que eles as vezes nos dão de que algo não está indo bem!

Sobre o Autor:

Fonoaudióloga da Equipe FofuuuMestre em Ciências da Reabilitação (USP) Especialista em Motricidade Orofacial

2 Comments

  1. […] Como conversamos no artigo “Como a Otite Pode Prejudicar Seu Filho?” […]

  2. […] conversamos no artigo “Como a Otite Pode Prejudicar Seu Filho?”, episódios frequentes ou prolongados de otite média podem prejudicar o desenvolvimento da […]

Deixar Um Comentário